Não corra atrás de clientes: Atraia eles diretamente para você

Introdução
Hoje em dia o objetivo maior das empresas é atrair cada vez mais clientes. E com a competitividade no mercado, estabelecer algumas estratégias para a sua empresa é o fator determinante para atingir novos clientes.
A seguir veremos alguns erros que você pode estar cometendo dentro no seu negócio e como acertar daqui para frente.

Não corra atrás de clientes como quem corre atrás de borboletas

Algumas empresas, desesperadas para fechar algum negócio, saem loucas a procura de clientes. De nada adianta se você está colocando esforços no lugar errado. Para explicar melhor vou utilizar de uma analogia:
Imagine que você está em um parque e de repente avista uma borboleta muito bonita! Já que você é um colecionador de borboletas, você sai a procura dela para tentar capturá-la. Você vai de um lado pro outro tentando pegá-la, mas sempre que você se aproxima dela a borboleta sai voando.
Em vez de sair por aí correndo atrás de borboletas, porque você não constrói um jardim para que elas venham até você?
É a mesma coisa quando se trata de clientes. No caso, a flor do jardim é o conteúdo que você vende ,ou seja, você tem que criar um conteúdo que chame a atenção do seu cliente.

Atenção

Antes de chamar a atenção você precisa saber onde a atenção está. Com a revolução tecnológica e a difusão dos aparelhos móveis, hoje em grande maioria a atenção das pessoas está no digital e cada vez mais isso só tende a aumentar.
Como você já sabe onde está a atenção, agora você precisa saber o que mais atrai a atenção das pessoas para o digital. O que normalmente a maioria das pessoas ou até você mesmo faz quando está online? De forma geral são três coisas:
Entretenimento
Informação
Conexão

Qualidade

Os seus clientes são pessoas muito importantes e merecem sempre o seu melhor. Por isso, na hora de produzir um conteúdo que chame a atenção, faça isso com qualidade.
Portanto planeje-se. Tenham isso bem claro em sua mente e coloque tudo no papel.

“Pense bem no que você vai fazer, e todos os seus planos darão certo.”
Provérbios 4:26

Redes Sociais

Segundo uma pesquisa, o Brasil é o segundo país que mais gasta tempo nas redes sociais perdendo apenas para as Filipinas e, como estamos falando de marketing digital, às redes sociais são canais importantes para atingir o seu público. É por meio delas que as pessoas têm acesso a diversos tipos de conteúdo.
Uma vez que você utiliza as redes sociais para divulgar o seu produto, às chances de se alcançar um potencial cliente através dessas mídias são maiores.
Segundo uma pesquisa, essas são as redes sociais mais utilizadas pelos brasileiros:
Facebook
Whatsapp
Youtube
Instagram
Twitter
Linkedln
Pinterest

https://exame.abril.com.br/negocios/dino/62-da-populacao-brasileira-esta-ativa-nas-redes-sociais/

De forma geral, o INSTAGRAM foi citado como a rede social preferida, com um total de 47,1%.

O cliente ideal para você

Toda empresa tem suas metas, seja expandir seu negócio, lucrar mais, fechar grandes projetos etc. Dependendo de seus objetivos como empresa, saiba que tipo de cliente você quer atrair. Ofereça um produto que estará de acordo com as necessidades e do interesse do seu cliente.

Conteúdo

Suponhamos que você trabalha em TI e no site da sua empresa tenha um artigo somente para transmissão ao vivo. Agora imagine que há uma empresa x precisando melhorar suas transmissões. Além de ter recursos financeiros para isso, essa empresa x procura por algo que você oferece, portanto, é um cliente em potencial.

Em geral há dois tipos de conteúdo que vão atrair esse potencial cliente para você:

Oportunidades
Ninguém gosta de gastar dinheiro, principalmente se esse dinheiro não for útil lá na frente. A maioria das pessoas quer comprar um produto de qualidade mas gastando pouco.
Pensando nisso, você cria uma artigo no seu site :
– Como fazer transmissões ao vivo gastando pouco / Como fazer transmissões ao vivo sem gastar nada

Medo
E se eu te perguntasse: O que você comeu ontem no almoço?
Provavelmente você me responderia que não lembra. É normal nos esquecermos das coisas. Por outro lado há acontecimentos que são mais marcantes, principalmente quando há algum sentimento associado. Dificilmente as pessoas esquecem de quando sentiram medo, por que é algo que marcou para elas. E como você sabe disso, você cria outro artigo no site da sua empresa dizendo:
O que não fazer em uma transmissão ao vivo / É provável que você está perdendo 80% de seus potenciais clientes se ainda não transmite ao vivo.

Esses tipos de conteúdo chamam a atenção do seu cliente, uma vez que o assunto está sendo direcionado para ele. Às palavras têm um poder imenso e dependendo das palavras que você utiliza para transmitir o seu conteúdo, a pessoa é convencida de que ela precisa mudar. Tudo é questão de técnica.

Gatilhos mentais

São estímulos que nosso cérebro recebe que influenciam diretamente nossa tomada de decisão. Todos os dias nós tomamos 35.000 decisões, que vão desde noções mais básicas como escolher a roupa que vai vestir até ler um livro por exemplo.
Dentro do marketing digital não é diferente. Muitas empresas utilizam desses gatilhos para promover uma marca ou fazer promoções que, de alguma maneira te influenciam e fazem com que você se sinta motivado a comprar.

Existem alguns princípios que são incentivados por esses gatilhos mentais:

Autoridade
Esse princípio está ligado diretamente com a confiança. Se às pessoas confiam em você e elas acreditam no seu produto, então você conquistou a confiança delas. Se você tiver autoridade e souber o que está fazendo, às pessoas ficarão convencidas de que o seu produto é o melhor.

Reciprocidade
Quando alguém nos dá algo sem pedir nada em troca nos sentimos na obrigação de retribuir aquilo que a pessoa nos deu.
Se você ajuda alguém, essa pessoa se sente na necessidade de te devolver o favor, ou seja, ela fica recíproca de você.